Adubação Verde para Recuperar a Fertilidade da Terra e Plantio de Espécies Nativas.

Adubação Verde para Recuperar a Fertilidade da Terra e Plantio de Espécies Nativas da Floresta Atlântica em Unidade de Conservação

Ana Carolina Saupe / Analista Ambiental / Chefe da UC da APA de Guaraqueçaba, 2012.

A gestão de Unidades de Conservação é uma atividade complexa. Para alcançar os objetivos de criação da UC, especialmente de uma UC de uso sustentável como a APA de Guaraqueçaba, precisamos buscar apoio e parcerias institucionais.

A APA visa o ordenamento do uso e ocupação do solo aliado à conservação ambiental. Dessa forma, a recuperação das Áreas de Preservação Permanente, as APPs, é uma atividade importante para alcançar esses objetivos. Mas é, também, uma meta difícil de ser realizada pela própria lógica de ocupação do território da APA de Guaraqueçaba, que ocorreu ao longo dos inúmeros rios existentes na região, cuja proximidade oferecia meio de transporte aos moradores e terras férteis para a agricultura.

Buscando formas de contornar essa situação, sem onerar os pequenos produtores que ocupam a região a diversas gerações, vinhamos buscando fontes para a implementação de projetos de recuperação das APPs, que foi vislumbrada através do edital do Programa Petrobrás Ambiental 2010.

Com a ideia clara de realizar a recuperação das APPs da região de uma forma integrada com a realidade dos produtores ali residentes, buscamos uma instituição que tivesse o conhecimento e experiência para realizar a empreitada. Entre as alternativas levantadas, a ADEMADAN se mostrou adequada, por já haver realizado diversos trabalhos na região e conhecer a fundo a realidade local.

Desde a aprovação do Projeto RAPPs, as atividades vêm sendo realizadas com êxito pela ADEMADAN e o projeto está se tornando uma referência para a recuperação de APPs, integrando os agricultores em todo o processo. Este sucesso nos convenceu de que é necessário expandir o projeto para o resto do território da APA de Guaraqueçaba e esperamos conseguir isso e garantir sua continuidade.

Assim, depois de mais de um ano de trabalho intenso junto aos agricultores, surgiu esta cartilha. Diferente da lógica de levar o conhecimento pronto ao pequeno agricultor, a cartilha foi construída integrando o conhecimento científico com o conhecimento prático da experiência de vida dos produtores moradores da região.

Essa diferença na elaboração da cartilha torna o material rico e condizente com a realidade local, aumentando o entendimento das técnicas apresentadas. A cartilha é um instrumento precioso para levar aos demais agricultores da região as informações que precisam para iniciarem a recuperação das APPs de suas propriedades.

Parabéns à equipe da ADEMADAN e aos agricultores que contribuiram para a construção dessa cartilha, pelo ótimo trabalho realizado. Que o projeto RAPPs renda ainda muitos bons frutos para a APA de Guaraqueçaba e para o litoral do Paraná.

 

Baixe agora mesmo a Cartilha.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *